Gestão

Aprenda como fazer retenção de talentos na sua empresa

retenção de talentos
Kienbaum Brasil
Escrito por Kienbaum Brasil

Retenção de talentos era a grande dificuldade no ambiente organizacional — atração, retenção, mensuração das competências e identificação do capital intelectual. A área de recursos humanos em sua gestão de pessoas desenvolveu com a ajuda da tecnologia, uma arma poderosa no campo de batalha competitivo. Nesse ambiente tão mutável que requer inovações constantes, os gestores do RH foram em busca de tornar viável o sucesso das organizações.

Manter os bons profissionais nas empresas, preservando-os e evitando que eles saiam por motivos diversos é tarefa da administração do RH. Assegurar o capital humano significa elevar o nível da liderança. Os bons gestores que têm um olhar mais sensível e apurado estão identificando os seus talentos — eles são os que se assemelham com a cultura organizacional e que buscam alinhamento constante às metas e objetivos do negócio e desejam que sua atuação seja valorizada e reconhecida pela organização.

Gostaria de saber mais sobre este assunto? Descobrir esses talentos? Então, continue a leitura!

Entenda a importância da avaliação de desempenho

Esta ferramenta favorece e traz grandes benefícios ao processo de gestão de pessoas — vantagens imensuráveis — muitos colaboradores são contratados no processo de recrutamento e seleção, e a empresa espera o melhor de cada um deles. Porém, as organizações desejam que eles desenvolvam compreensão do negócio, competências técnico-profissionais específicas e competências sociais.

Também a avaliação dos perfis de seus funcionários pode ser feita por intermédio de uma consultoria especializada ou recorrendo ao RH. Por meio da avaliação pode-se identificar e reconhecer os talentos internos, promover seu desenvolvimento e assim retê-los, engajá-los ao negócio da organização.

Saiba como identificar os jovens talentos internos na empresa

Como resultado dessa avaliação de desempenho, é possível analisar o comportamento do funcionário ou de toda uma equipe. Podendo observar e diagnosticar o colaborador durante um determinado período de tempo. Se ele sabe agir, sabe se comunicar, sabe o que e o por que faz. Além disso, se ele compreende, automaticamente sabe transmitir aos outros informações e conhecimentos.

Caso isso não esteja acontecendo — a organização deve auxiliá-lo no seu desenvolvimento e no aprimoramento de suas competências, fazendo-o perceber suas limitações e investir em treinamento para sua evolução. Bons líderes conhecem a importância desses treinamentos. O ser humano é fundamental para o sucesso da organização.

Acompanhe o trabalho dos colaboradores

É fundamental que o colaborador sinta-se seguro em desenvolver uma tarefa. O acompanhamento pelo gestor transmite maior confiança e faz com que ele coloque em prática novas ideias. Isso permite que cada envolvido na tarefa atinja as metas propostas, pois sente que a organização está atenta, confia nele e que está fazendo parte de decisões importantes. Esse acompanhamento permite conhecer suas facilidades ou dificuldades e assim, o gestor pode agir para resolução de possíveis problemas.

Analise as competências comportamentais

O autoconhecimento leva os colaboradores a conhecer suas habilidades, o seu potencial e também adquirirem consciência das suas fragilidades. Muitas empresas investem na contratação do coaching — profissional que ajuda os funcionários nessa autopercepção, contribuindo muito na construção dos comportamentos imprescindíveis e na criação de um bom clima na organização.

Descubra o verdadeiro potencial de cada colaborador

Conquistar os jovens com potencial é a grande resposta para a retenção de talentos. Ao estabelecer uma relação de transparência e automaticamente de confiança, há transmissão de valores e não apenas conhecimentos técnicos. Essa troca faz com que sejam assumidas novas responsabilidades, sendo uma excelente oportunidade para desenvolvimento de outras habilidades e inovação nos negócios.

Ofereça chances de crescimento

Quando um profissional percebe a possibilidade de crescimento, sente-se motivado e estimulado a enfrentar desafios inimagináveis. Oferecer essas oportunidades é uma forma excelente para os colaboradores responderem positivamente dentro do ambiente de trabalho.

Descubra como reter esses talentos com potencial de crescimento

Ao identificar talentos internos, muitas organizações criam métodos de alternância de cargos — o objetivo é que os colaboradores exerçam variadas funções, adquirindo novos aprendizados e desenvolvendo habilidades múltiplas. Isso permite desenvolver o potencial de cada colaborador, que até então era desconhecido, esse sistema possibilita retenção e maior engajamento dos profissionais.

Valorize seus colaboradores

Os profissionais de hoje estão em busca não somente de bons salários, mas acima de tudo de reconhecimento, de ambientes mais dinâmicos e crescimento. Entenda suas expectativas tanto profissionais quanto pessoais.

Ofereça um plano de carreira bem estruturado

A retenção de talentos exige oportunidades de crescimento e desenvolvimento da carreira das pessoas. A carreira e os planos para esta carreira, são dos colaboradores, e não da organização, mas as oportunidades precisam estar claras. Quando os profissionais sabem quais os processos e etapas que eles devem sobrepor na hierarquia corporativa, eles se empenham mais e demonstram todo o seu potencial para atender as metas.

Construa um ambiente de trabalho agradável

Um ambiente saudável e harmonioso cria um clima organizacional de maior interação entre todos os setores, e a jornada do colaborador fica muito mais motivadora. Isto  contribui para o alto desempenho e aumento constante da produtividade.

Tenha uma boa comunicação interna

As informações claras e objetivas com seus funcionários proporcionam à empresa interação entre a organização e seus colaboradores. A comunicação permite o aprimoramento dos relacionamentos, facilitando também a transmissão de informações estratégicas e evitando mal entendidos.

Importância do feedback

Como melhorar sem saber o que fazer? A importância do feedback é fundamental para o desenvolvimento do profissional. Porém, é importante que seja tanto para comunicar alguma possível correção como para elogios de ações que foram altamente eficazes.

Em muitas organizações, líderes que não sabem usar essa ferramenta de comunicação acabam contribuindo para um alto índice de turnover. Saber o que falar e como falar faz toda a diferença no ambiente empresarial. Muitos afastam até possíveis futuros CEOs por não saberem dar um retorno positivo ou negativo de forma apropriada.

O feedback quando usado corretamente ajuda no desenvolvimento dos colaboradores, motiva o desempenho em busca de melhores resultados e na retenção de talentos. Os funcionários ficam na perspectiva que a liderança dê informações sobre o seu desenvolvimento.

A retenção de talentos é uma importante estratégia. Investir nos profissionais que fazem parte da sua organização, que já conhecem e estão familiarizados com a cultura organizacional, garante o sucesso do seu negócio. Existem algumas empresas que ainda não perceberam a relevância em investir nos membros de sua equipe.

É obrigatório que um gestor de RH promova, motive e incentive os seus profissionais, dando oportunidade de crescimento, promoções, planos de carreira e ganhos diferenciados. A política da retenção de talentos contribui para a cultura do negócio e os funcionários ficarão muito mais engajados.

Então, agora que você conhece a importância da retenção de talentos, aproveite a visita ao blog e aprenda sobre gestão de talentos e estratégia organizacional.

Sobre o autor

Kienbaum Brasil

Kienbaum Brasil

Fausto Alvarez - Partner Kienbaum SP

Axel Werner- Partner Kienbaum SP

Deixar comentário.

Share This