5 erros comuns na gestão de equipes e como evitá-los

gestão de equipes
6 minutos para ler

Em qualquer organização, seja ela grande ou pequena, uma gestão de equipes eficiente é o principal fator para que o negócio alcance o sucesso desejado. Com ações estratégicas o departamento de recursos humanos tem buscado por ferramentas para inovar seus processos no ambiente corporativo.

Sabe-se que o êxito de qualquer empresa está ligado diretamente a um bom trabalho em equipe, com colaboradores qualificados, estruturados, coordenados, engajados, comprometidos e alinhados às estratégias da organização. Isso só é possível por meio da gestão de equipes. Você gostaria de saber mais sobre esse assunto? Continue a leitura!

Qual a importância na gestão de pessoas?

As empresas são constituídas por pessoas e todo o seu sucesso ou fracasso depende delas. Essa gestão é feita por meio de práticas definidas com o objetivo de motivar e administrar os comportamentos de seus colaboradores para atingir os melhores resultados possíveis.

Quais as principais vantagens na gestão de equipes?

Retenção de talentos

Reter talentos é um dos grandes desafios das organizações. Devido às constantes mudanças no mercado de trabalho e mediante a tantas incertezas é difícil fazer com que esses colaboradores permaneçam em sua empresa. Para que isso aconteça é importante que os profissionais sintam-se motivados e satisfeitos.

Em muitos casos não é o salário que os retêm, e sim a liderança, o clima, o companheirismo, a valorização, o investimento feito em treinamento e desenvolvimento, um plano de carreira, benefícios, a certeza de trabalhar com líderes que valorizam o seu trabalho e a possibilidade de galgar cargos mais elevados em processos sucessórios. Tudo isso contribui para retenção desse profissional.

Redução de Absenteísmo

Uma organização que preza por seus colaboradores não passa por esse problema. Acima comentamos os motivos que contribuem para essa ausência.

Porém, é sempre bom que a liderança esteja alinhada ao mercado e as inovações de processos de gestão de equipes de modo a criar situações para manter uma comunicação transparente e objetiva. Isso pode evitar que o absenteísmo ocorra na empresa.

Redução de turnover

Conhecido também como a taxa de rotatividade dos colaboradores em uma empresa, o RH estratégico fica de olho nesse índice. A rotatividade é prejudicial para a produtividade da organização.

O importante é saber o que está causando as demissões tanto as voluntárias quanto as involuntárias. O turnover é um sinal de alerta, analisar as causas é imprescindível para que não venha a ocorrer um elevado índice de desligamentos na empresa.

Quais os 5 erros comuns na gestão de equipes?

1. Ausência de comunicação

A falta de comunicação é um dos maiores problemas dentro das organizações. A comunicação é parte essencial para que haja fluidez das informações e troca de ideias, sentimentos, experiências, crenças e valores. A comunicação implica em reciprocidade. Assim, a interação entre as partes é uma via de mão dupla.

Como evitar falha na comunicação:

  • mantenha uma comunicação objetiva, transparente e clara com seus colaboradores;
  • assegure-se de que a mensagem que você quis passar foi compreendida por todos;
  • crie processos eficientes para que não ocorram falhas na comunicação e oriente seus profissionais a agir do mesmo modo.

2. Ausência de feedbacks

O feedback é uma ferramenta que permite que os colaboradores mantenham-se engajados, motivados e em ininterrupto crescimento. Ele pode ser usado para indicar o caminho que o colaborador deve seguir ou fazer correções com o objetivo de mudar comportamentos e atitudes inadequadas. Ele é fundamental dentro das empresas.

Como evitar a ausência de feedback:

  • comunique sempre aos seus colaboradores o que a organização espera deles;
  • informe com clareza os pontos que precisam ser melhorados;
  • informe como foi o desempenho da sua equipe e se as metas foram atingidas;
  • demonstre que a liderança valoriza e acompanha o trabalho de todos.

3. Liderança muito centralizadora

Essa liderança é de “comando e controle” e existe uma hierarquia burocrática. Os colaboradores não podem tomar decisões sem consultar o chefe. Os profissionais têm medo de errar e sofrer alguma punição. O clima organizacional dentro de um sistema assim é desmotivador.

Como evitar essa liderança:

  • compartilhar os processos com todos os colaboradores;
  • ter um líder que saiba identificar as competências de cada colaborador;
  • o colaborador deve entender que faz parte do processo decisório;
  • estabelecer programas de desenvolvimento e proporcionar o crescimento de todos;
  • delegar tarefas e desenvolver a autonomia com responsabilidade.

4. Informações dispersas

As informações com que as pessoas lidam no dia a dia nas empresas encontram-se dispersas em diversas ferramentas de comunicação, o que dificulta muitas vezes a produtividade, pois leva-se muito tempo para que elas sejam localizadas.

Como evitar a dispersão dessas informações:

  • concentrar em um mesmo software todas as informações soltas;
  • oportunizar o acesso aos colaboradores que precisam dessas informações.

5. Não documentação de dados

A perda de dados é uma das piores situações que uma organização pode enfrentar. A perda de registros de vendas, transações e projetos corporativos podem ser perdidos por vários fatores, mas há algumas maneiras de se proteger para que isso não ocorra.

Como evitar a falta de documentação:

  • uma das novas tecnologias mais adotadas pelas empresas é o uso de soluções em nuvem, que permitem o armazenamento e compartilhamento de informações em um ambiente virtual seguro;
  • o Cloud computing possibilita que as organizações flexibilizem os seus processos operacionais e ganhem mais mobilidade no dia a dia corporativo.

Como fazer uma gestão de equipes eficaz?

Pode parecer irrealizável o conceito de uma liderança que tem foco na identificação do potencial das pessoas e implementação de ações preventivas e para desenvolvê-las. Mas essa é uma das formas menos custosas de se garantir que a empresa tenha sempre pessoas que se esforçam para cumprir com os objetivos e metas traçadas.

Dentro desse contexto, sabemos que para alcançarmos melhores resultados precisamos montar equipes engajadas, encorajadas e motivadas. Algo que na prática exige um gerenciamento de equipes e pessoas com foco na produtividade e no desenvolvimento pessoal, profissional e organizacional.

A partir dessas orientações, podemos dizer que uma gestão de equipes eficaz é imprescindível para a conquista da eficácia. É preciso, com seus profissionais, buscar e encontrar circunstâncias favoráveis tanto para a empresa quanto para os próprios colaboradores.

Gostou deste texto? Viu quais os inúmeros benefícios ao implementar e evitar erros na gestão de equipes em sua organização. Então, deixe sua opinião nos comentários e conte-nos quais dos aspectos citados você considera mais relevantes.

195 Views
Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-