Conheça as 7 principais tendências na educação corporativa

7 minutos para ler

Muito se fala sobre o impacto da tecnologia nos negócios. As ferramentas digitais melhoram a produção dos negócios além de auxiliar o gerenciamento e a liderança na tomada de decisões com base em dados concretos.

Por outro lado, a tecnologia faz a diferença em um ponto essencial para o sucesso de qualquer empresa: a qualificação dos funcionários.

Neste post, falaremos sobre as principais tendências na educação corporativa, mostrando as ferramentas que você pode usar para melhorar as competências digitais de sua equipe e o ambiente de trabalho como um todo. Continue a leitura!

1. Aprendizagem Móvel

O Brasil tem mais de 300 milhões de usuários de smartphones. Os dispositivos móveis, incluindo tablets e smartphones, estão se tornando mais importantes para os funcionários e para o trabalho. Preparar sua estratégia de eLearning para garantir que o conteúdo esteja disponível e possa ser concluído em dispositivos móveis será vital para o futuro do eLearning.

O aprendizado móvel é um método-chave para alcançar e engajar, em particular, a geração do milênio — toda uma geração de nativos digitais que se sentem mais à vontade para acessar informações e gerenciar suas atividades diárias no ambiente digital.

Essa modalidade de ensino está preparada para atender às necessidades de treinamento da geração do milênio, pois ela pode ser estruturado para acomodar o microlearning e é responsivo, de fácil acesso e disponível para conveniência do usuário. Com o aprendizado móvel baseado em dispositivo, também será fácil acessar aplicativos de aprendizado social, como chatbots, fóruns e outros tipos de grupos de discussão e reforço participativo.

2. Treinamento personalizado

O aprendizado adaptativo é o resultado de obter um módulo de aprendizado de uma biblioteca existente e personalizá-lo para diferentes empresas, departamentos ou tarefas.

Muitas vezes, o aluno fará uma avaliação pré-treinamento para determinar onde, dentro do módulo, reside a maior necessidade de treinamento. Então, o módulo será personalizado para se concentrar nas áreas em que o conhecimento do estudante precisa ser aprimorado.

Desse modo, o aprendizado personalizado atende às necessidades específicas de cada colaborador, aproveitando ao máximo o tempo de treinamento, proporcionando uma experiência focada e individualizada. Ou seja, a personalização até o nível individual é alcançável em uma estrutura modular de baixo custo.

3. Gamification

Transformar os esforços de eLearning em um jogo para os participantes é uma abordagem emergente para a instrução que está ganhando força em toda a esfera do eLearning. A gamification tem o poder de envolver os alunos e incentivar a participação contínua usando os elementos (pontos, conquistas, placares), a mecânica (passar por níveis, pontuação, avatares) e o pensamento baseado em jogos.

Alguns funcionários respondem melhor a recompensas intrínsecas. Na gamificação, isso pode ser representado pelo desbloqueio de conquistas ou recebimento de um crachá na conclusão bem-sucedida de um segmento de treinamento.

Os funcionários que respondem melhor a recompensas extrínsecas serão mais motivados ao incorporarem a concorrência ao segmento, por exemplo, com uma tabela de classificação pública. No entanto, a gamification deve ser implementada corretamente para ser mais eficaz. Algumas dicas para incorporá-la à sua estratégia de eLearning são:

  • alinhar estratégia de gamificação com metas mensuráveis;

  • acompanhar o desenvolvimento;

  • torná-la esteticamente agradável;

  • combinar motivação intrínseca e extrínseca.

4. Microlearning

O Microlearning é uma das principais tendências na educação corporativa. O conceito por trás dessa estratégia é o entendimento de que a concentração e o foco humano são limitados, logo, dividir as informações em partes menores e distribuí-las aos poucos pode levar a taxas mais altas de engajamento e retenção.

O microlearning condensa a divulgação real das informações necessárias em sessões de 90-120 segundos formatadas como vídeos, imagens, slides ou exercícios e seguidas de questionários com feedback instantâneo.

Dar informações em pequenos trechos intercalados com questionários ajuda no envolvimento do aluno e na retenção de informações. Além disso, é um método mais adequado para um módulo de treinamento direcionado a um objetivo específico. Ele também apresenta bons resultados para funções que exigem treinamento constante, incluindo TI, atendimento ao cliente ou vendas.

5. Aprendizagem social

O aprendizado social não é um conceito recém-introduzido na educação corporativa, mas certamente está em ascensão. Isso se deve ao fato de que, na maioria das organizações, o aprendizado social, ou a aprendizagem informal, ocorrem por meio do eLearning.

A aprendizagem social se baseia no fato de que nem todos os indivíduos são aprendizes solitários. Colaborar e se conectar com outras pessoas que estão fazendo o mesmo curso beneficia os participantes enquanto eles interagem.

As empresas de treinamento adotaram a integração de blogs, cursos do LinkedIn e páginas de mídia social em seus atuais programas de treinamento para garantir que os alunos se beneficiem mais desses cursos.

O aprendizado social também pode incluir pesquisa social em que os alunos são incentivados a dar suas opiniões, a classificar algo como um vídeo e, posteriormente, revelar o que todo mundo pensa sobre ele. Dessa forma, os alunos também exploram os espaços cinzentos que permaneceram intocados pelo eLearning no passado em vez de se concentrarem apenas nos espaços em preto e branco.

6. Inteligência artificial

Um método que pode ser usado para criar aprendizado adaptável e personalizado é usar inteligência artificial. Com a IA, os educadores podem entender os comportamentos dos funcionários e prever as necessidades de treinamento, recomendando conteúdo com base nisso.

A IA pode ser usada para criar um chatbot ou um assistente de aprendizado que pode recomendar conteúdo de treinamento baseado em novos projetos, equipes, caminhos de desenvolvimento de carreira, necessidades atuais e futuras.

Usar a IA para antecipar as necessidades de treinamento e fazer recomendações sobre os módulos disponíveis no sistema de gerenciamento de aprendizagem é uma maneira pela qual o aprendizado e o desenvolvimento se tornarão mais individualizados e responsivos e, em última análise, mais valiosos.

7. Realidade artificial e realidade virtual

Os benefícios das tecnologias de Realidade Artificial — AR — e Realidade Virtual — VR — para treinamento corporativo e profissional são óbvios e elas estão mais acessíveis do que nunca.

Com essas tecnologias de ponta, as organizações podem levar o treinamento corporativo para outro nível mergulhando os funcionários em experiências de aprendizado altamente envolventes. Por exemplo, em vez de fazê-los assistir a um vídeo ou ler 30 páginas sobre uma situação, você tem a possibilidade de oferecer uma situação de dramatização em que eles possam obter experiência prática totalmente livre de riscos.

Como dizem, a melhor maneira de aprender é fazendo, então você pode esperar ver mais tecnologias de AR e VR (suportadas pelo aprendizado de máquina) incorporadas em programas de treinamento. No entanto, isso não significa que elas serão onipresentes, pois ainda são relativamente novas e, embora os preços estejam caindo rapidamente, ainda podem ter um impacto significativo em seu orçamento.

Em resumo, mais e mais empresas estão reconhecendo que, em um ambiente competitivo, a qualificação dos funcionários é benéfica para a organização como um todo. Treinamento e desenvolvimento são uma parte importante dos planos estratégicos de crescimento da empresa moderna.

As tendências na educação corporativa vão aproveitar continuamente a tecnologia para tornar as oportunidades de desenvolvimento mais acessíveis e adaptadas ao aluno. A aprendizagem personalizada e interativa estará na vanguarda, ajudando a tornar os materiais do curso ainda mais relevantes para o próprio funcionário.

Este conteúdo foi útil para a sua atuação como gestor? Assine nossa newsletter e receba outros artigos como este diretamente em seu e-mail.

44 Views
Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-